Ações de combate ao Aedes aegypti MS

Pesquisas de universidades públicas de Mato Grosso do Sul, que contribuem para o combate das doenças causadas pelo Aedes aegypti, tropeçam na falta de recursos. O problema foi debatido durante a reunião da Frente Parlamentar de Enfrentamento à Tríplice Epidemia: Dengue, Zika e Chikungunya e como principal encaminhamento a Frente enviará documento ao ministro da Saúde, Luís Henrique Mandetta, solicitando apoio financeiro para continuidade dos estudos.